Cuiabá, 20 de Junho de 2024

icon facebook icon instagram icon twitter icon whatsapp

Variedades Segunda-feira, 25 de Março de 2024, 08:36 - A | A

Segunda-feira, 25 de Março de 2024, 08h:36 - A | A

Vacinação

Vacina contra gripe começa a ser aplicada nesta segunda (25) em Cuiabá e Várzea Grande

Crianças a partir de 6 meses, trabalhadores da saúde e gestantes estão entre os grupos prioritários que receberão o imunizante.

g1 MT

Começa nesta segunda-feira (25) a vacinação contra a gripe em Cuiabá e em Várzea Grande, região metropolitana da capital. A Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT) autorizou, na quarta-feira (20), os municípios de Mato Grosso a vacinar os grupos prioritários. (Confira abaixo lista de quem pode ser vacinado).

A aplicação das doses ocorre a partir das 9h em todas as unidades de saúde da capital.

O objetivo é expandir a cobertura vacinal contra a gripe antes do inverno, quando as infecções respiratórias tendem a aumentar. A orientação é do Ministério da Saúde e atende a pedido de estados e municípios, que podem usar as vacinas em estoque e adotar estratégias locais para operacionalizar a imunização, atendendo às realidades de cada região.

Segundo a Secretaria SES, o estado recebeu 264 mil doses da vacina e a previsão é que 1,2 mil pessoas sejam imunizadas.

Quem pode ser vacinado?

Os grupos prioritários a serem vacinados são:

- crianças de 6 meses a menores de 6 anos de idade (5 anos, 11 meses e 29 dias)
- trabalhadores da saúde
- gestantes
- puérperas
- professores
- povos indígenas
- idosos com 60 anos ou mais de idade
- pessoas em situação de rua
- profissionais das Forças de Segurança
- Salvamento e das Forças Armadas
- pessoas com doenças crônicas
- deficientes
- caminhoneiros
- trabalhadores portuários
- população privada de liberdade
- adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas

Vai ter um "Dia D" da vacina?

Sim, dia 20 de abril será o Dia D da vacinação contra a gripe.

Proteção

As vacinas Influenza sazonais têm perfil de segurança excelente e, geralmente, são bem toleradas. Manifestações como dor no local da injeção são comuns e ocorrem em 15 a 20% dos pacientes, sendo benignas e geralmente resolvidas em 48 horas.

A vacina é fabricada com vírus inativados, fragmentados e purificados, ou seja, não é capaz de induzir o desenvolvimento da doença.

Comente esta notícia

Rogério campos marconcini 26/03/2024

Não entendo falam que é pra população se proteger mais às vacinas são para poucos não são pra todos aí fica difícil era pra ser liberada pra toda a população afinal são só esses grupos \"prioritários\" que pegam a gripe

1 comentários

1 de 1

Av. Brasil, 107-W

Cuiabá/MT

(65) 99962-8586

[email protected]