Cuiabá, 20 de Junho de 2024

icon facebook icon instagram icon twitter icon whatsapp

Esporte Segunda-feira, 25 de Março de 2024, 17:14 - A | A

Segunda-feira, 25 de Março de 2024, 17h:14 - A | A

ANTIDOPING

Processo cita que Gabigol escondeu genitália em exame antidoping

Estrela do Flamengo, Gabigol foi considerado culpado pela Justiça Desportiva Antidopagem; decisão ainda cabe recurso

Mateus Arantes
metrópoles

O processo que condenou Gabigol como culpado em exame antidoping cita que o jogador tentou esconder a genitália na hora de urinar no frasco, sem permitir que o oficial que estava fiscalizando visse a urina saindo. A decisão ainda cabe recurso.

Vale lembrar que a pena começou a contar a partir da coleta, no ano passado, e termina em 8 de abril de 2025.

Gabigol também é acusado de dificultar a realização do exame antidoping. Os responsáveis dizem que o jogador não se dirigiu a eles antes do treino, depois os ignorou e foi almoçar, além de tratar a equipe com desrespeito.

O processo

Gabriel Barbosa, o Gabigol, foi suspenso por dois anos por fraude em exame antidoping. O julgamento teve início na semana passada e foi concluído nesta segunda-feira (25/3), com participação do atleta. A decisão cabe recurso.

O Camisa 10 do Flamengo respondeu por infringir o artigo 122 do Código Brasileiro Antidopagem, que se refere a “fraude ou tentativa de fraude de qualquer parte do processo de controle” e prevê suspensão de até quatro anos em caso de condenação.

O jogador foi denunciado no fim de 2023. A defesa dele foi enviada em janeiro e contava com imagens da câmera de segurança do CT Ninho do Urubu.

Comente esta notícia

Av. Brasil, 107-W

Cuiabá/MT

(65) 99962-8586

[email protected]