Cuiabá, 21 de Junho de 2024

icon facebook icon instagram icon twitter icon whatsapp

Variedades Sexta-feira, 07 de Junho de 2024, 08:26 - A | A

Sexta-feira, 07 de Junho de 2024, 08h:26 - A | A

ATENÇÃO

Com 21%, Cuiabá foi a capital mais seca do país nessa quinta-feira (6)

Capital registrou 21% de umidade relativa do ar nessa quinta-feira (27). A previsão é que o nível continue baixo nesta sexta-feira (8).

Por g1 MT

Cuiabá registrou o menor nível de umidade relativa do ar no país, nessa quinta-feira (6). Segundo o Climatempo, o índice de 21% foi registrado no período da tarde, na capital. A previsão é que a situação de seca se repita nesta sexta-feira (7).

A capital mato-grossense também liderou as cidades do estado. Até 17h de quinta-feira (6), Vila Bela da Santíssima Trindade e Guiratinga, registravam umidade relativa do ar em 24%. Já São José do Rio Claro e Gaúcha do Norte, registraram 25% e SinopSorriso e Pontes e Lacerda tiveram umidade relativa de 26%.

A medição ainda cita municípios de Mato Grosso do Sul, Goiânia, São Paulo e Minas Gerais que também tiveram os menores índices.

Confira a lista dos cinco menores níveis de umidade no ar registrados na quinta-feira (6):

Cuiabá (MT) - 21%
Goiânia (GO) - 29%
São Paulo (SP) - 36%
Belo Horizonte/Pampulha (MG) - 37%.

Baixa umidade

A umidade do ar representa uma variável meteorológica que pode afetar o organismo. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), o nível ideal é entre 40% e 70%.

A baixa umidade pode provocar ressecamento das mucosas das vias aéreas, tornando a pessoa mais vulnerável a crises de asma e a infecções virais e bacterianas. O sangue também fica mais denso por causa da desidratação e favorece o aparecimento de problemas oculares e alergias.

Quando o nível cai para menos de 30%, os prejuízos para a saúde podem ser: dor de cabeça, rinites alérgicas, sangramento nasal, garganta seca e irritada, sensação de areia nos olhos que ficam vermelhos e congestionados, ressecamento da pele e cansaço.

Recomendações

- Beba bastante água, mesmo se estiver sem sede
- Evite atividades físicas ao ar livre e exposição ao sol das 10h às 17h
- Evite banhos com água quente para não potencializar o ressecamento da pele
- Use umidificadores de ar em casa e no trabalho. Você também pode utilizar bacias de água ou estender toalhas e panos úmidos próximos à cama
- Em caso de problemas respiratórios, procure um posto médico
- Em caso de incêndio em mata ou floresta, avise imediatamente o Corpo de Bombeiros (193), Defesa Civil (199) ou Polícia Militar (190)
- Acompanhe as informações oficiais, por meio de sites, carros de som, rádio, SMS, entre outros, emitidos pela Defesa Civil ou outras autoridades de sua cidade

Comente esta notícia

Av. Brasil, 107-W

Cuiabá/MT

(65) 99962-8586

[email protected]