Cuiabá, 19 de Junho de 2024

icon facebook icon instagram icon twitter icon whatsapp

Política Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2024, 09:05 - A | A

Segunda-feira, 29 de Janeiro de 2024, 09h:05 - A | A

ALVO DE CRÍTICAS

Fávaro ignora "ameças" e não teme perder cargo em ministério; "faço o meu trabalho"

Allan Mesquita
Gazeta Digital

Ministro da Agricultura e Pecuária, Carlos Fávaro (PSD), não se intimida com as críticas de lideranças e membros da base do próprio governo Lula em relação à sua atuação na pasta. Durante a entrega de casas populares em Sinop (480 km ao norte de Cuiabá), o senador licenciado alegou que não vê ameaças nos apontamentos e fez questão de destacar a boa relação com o chefe do Palácio do Planalto. 

“Eu não vi essas falas, o cargo é do presidente Lula. Também sou senador da República e vou estar sempre trabalhando e dedicando para cumprir o papel enquanto ele queira que eu seja o ministro”, comentou na sexta-feira (26).

Desde que assumiu o cargo, Fávaro tem sido alvo de um bombardeio de intrigas, críticas, até mesmo de dossiês que circulam dentro do próprio governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT).
Os ataques vêm de múltiplas direções, mas o desgaste maior é do Congresso, sobretudo depois que Fávaro enviou 130 milhões de reais do orçamento da pasta para recuperação de estradas e a compra de equipamentos para 7 municípios de Mato Grosso, seu reduto eleitoral.

Na ocasião, Fávaro se pronunciou sobre o assunto, no Congresso Brasileiro do Agronegócio, em São Paulo, no dia 7 de agosto. O ministro disse que a validação de recursos para Mato Grosso foi feita junto ao ministro Rui Costa (Casa Civil), para modernizar a malha vicinal de sete municípios do Estado.

“Lógico que todo mundo sonha em ter um asfalto na frente do seu sítio, da sua fazenda, da sua propriedade, não só para levar a sua safra, mas para o ônibus escolar que vai na hora certa, para que a saúde possa ir lá com ambulância buscar, a segurança possa andar nas vicinais de boa qualidade e cumprir com seu papel público”, disse à época.

Comente esta notícia

Av. Brasil, 107-W

Cuiabá/MT

(65) 99962-8586

[email protected]